A celebrante

Meu nome é Laura Faro, tenho 59 anos e coração generoso. Sempre busquei a espiritualidade. Desde menina. Em minha busca, fiz incursão em religiões, crenças, filosofias, dogmas e rituais da luz. Foram anos de aprendizado.

 

Chama violeta

Escolhi o nome Azul Violeta porque a cor representa a espiritualidade. Azul violeta é a cor da chama sagrada que transforma, transmuta, protege, abençoa, purifica e liberta. E essa energia tem tudo a ver com a proposta do meu trabalho. Busco estar sempre conectada com a chama azul violeta e trazer o amor incondicional em meu coração.

 

Da minha peregrinação resultou uma filosofia própria, que traz a sabedoria que obtive nesse caminho tão rico.

Minha inspiração de me tornar celebrante surgiu na época em que minhas filhas e muitas de suas amigas resolveram se casar e buscaram alguém para celebrar seus casamentos. Alguém que conduzisse uma cerimônia de bênçãos, onde a união e o sagrado seriam celebrados sem formato preestabelecido, seguindo as verdades e os desejos do casal. Alguém que lhes falasse ao coração, combinando simplicidade, energias da natureza, fé, emoção. E a pedido delas comecei a realizar celebrações e adorei.


 

Percebi que minha jornada espiritual havia me preparado exatamente para isso. Cada celebração me traz tanta alegria e emoção que sei que esse é o caminho. 

É com grande alegria que dedico meu tempo, meus conhecimentos e meu amor no preparo e na realização de cada celebração. A celebração de casamentos é a mais procurada, mas conduzo batizados, bodas e outras celebrações que peçam bênçãos.